[Cobertura] Saiba como foi o show do Sublime With Rome em Porto Alegre (RS)

2 comentários

Sublime with Rome
Opinião
Porto Alegre/PR
13 de setembro de 2018

por Daiane Costa
foto por Fabiano Martins (Abstratti Produtora)

Na quinta-feira, 13 de setembro, Sublime With Rome se apresentou pela terceira vez em Porto Alegre. Com um repertório recheado de sucessos da carreira, porém com um setlist bastante reduzido se comparado aos shows anteriores no Brasil, a banda tocou durante 1h30 no bar Opinião. Mesclando seus dois primeiros discos com Rome nos vocais, “Yours Truly” (2011) e “Sirens” (2015), os caras exploraram boa parte das músicas que estouraram na segunda metade dos anos de 1990 como “Santeria”, “Wrong Way” e “What I Go…” Lembrando que em sua passagem anterior pelo Brasil, há três anos, o trio da Califórnia animou o festival Planeta Atlântida, em Capão da Canoa (RS).

Em torno das 21h15 subiram ao palco: Rome Ramirez, o baixista Eric Wilson e o baterista Carlos Verdugo, acompanhados pelo DJ LD (onTheCut) e pelo tecladista/trombonista Gabrial McNair. O show na capital dos gaúchos teve um público mais maduro e saudosista, que acolheu muito bem o vocalista Rome quando ele resolveu desistir dos problemas técnicos da guitarra, largando o instrumento ao chão no meio do palco, e descendo para cantar com a galera da grade durante a música “Legalize It”, de Peter Tosh.

O repertório também deu destaque especial para uma composição inédita, que estará presente no novo trabalho de estúdio, previsto para lançamento no primeiro semestre de 2019. Musicalmente, Sublime With Rome convence e tem seu carisma, inclusive conquistando novos fãs por mais de duas décadas. Além disso, a química do vocal com o baixista Eric Wilson, único remanescente dos áureos anos 1990, criou algo próprio que transcende aquela época.

Criada no final da década de 1980, a banda de ska punk e reggae passou por momentos bem difíceis logo no começo da trajetória. Em 1996, quase lançando seu terceiro álbum, o vocalista da formação original, Bradley Nowell, morreu vítima de uma overdose. Apesar do sucesso com a maioria das faixas do disco, a banda retornou oficialmente somente em 2009, com a entrada do novo vocalista e guitarrista Rome Ramirez.

Em entrevista para Homero Pivotto Jr., da Abstratti Produtora, Rome revelou que o novo álbum conta com faixas influenciadas pelo som da banda punk Black Flag, ao invés de trazer um som parecido os principais singles. “Vamos tocar uma nova música desse registro nos shows pelo Brasil, pois queremos ir aquecendo para o lançamento. Os fãs podem esperar o melhor do Sublime!”, disse o vocalista.

O grupo que também já passou por São Paulo (14) e Rio de Janeiro (15) se apresenta neste domingo (16) em Belo Horizonte.

2 comentários em “[Cobertura] Saiba como foi o show do Sublime With Rome em Porto Alegre (RS)”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s