[Resenha] Eternal Idol – Renaissance

Nenhum comentário

Eternal Idol – Renaissance
(Shinigami Records)

Por Clovis Roman

O Eternal Idol é uma banda italiana symphonic power metal, que faz um som pomposo como pede o rótulo, mas tem nuances mais acessíveis e até mesmo algo de hard rock/AOR (em pequenas doses), entregando portanto uma música poderosa e ao mesmo tempo cativante. Renaissance é o segundo disco do projeto criado em 2016, com o baixista Andrea Buratto, o guitarrista e tecladista Nick Savio – que compôs todas as músicas deste último trabalho – e o vocalista Fabio Lione (Angra, alguns Rhapsody’s, Vision Divine e por aí vai…). Os integrantes que completam a atual formação são Enrico Fabris (bateria) e a excelente cantora Claudia Layline, que estreiam neste álbum.

O ótimo disco Renaissance chega ao Brasil pela Shinigami Records, em prensagem limitada. O épico começo grandioso da abertura “Into The Darkness” até sugere algo similar ao Rhapsody, mas a canção mescla partes mais cadenciadas e outras mais agressivas, ampliando seu espectro. A performance de Lione, como esperado, é primorosa. Ele soa mais contido em algumas passagens, com um resultado excelente. A faixa tem partes mais velozes, principalmente no refrão, e traz um dueto harmônico de Lione e Claudia. A parte tensa ao meio, guiada pelo teclado, poderia estar em algum disco do Angra, mas a canção em geral não soa como uma fórmula.

A ótima “Black Star”, mais voltada ao metal melódico, é outra com melodias acessíveis e interpretação irretocável de Lione. Estas duas primeiras faixas ganharam videoclipes interessantes.  Na sequência, “Dark Eclipse” é envolta em camadas e melodias, apresentando um formato simples firmado em um andamento moderado, mais dark mesmo. O refrão bonitinho “Time over time, everything you’ve chosen on my shoulders, time over time, you are my reason, my dark eclipse” gruda rápido na cabeça. Com teclados grandiloquentes ao estilo Nightwish, “Without Fear” começa com ares de trilha cinematográfica, depois assume moldes similares a faixa anterior. Pode parecer repetitivo, mas novamente o mago entrega vocais assertivos e sólidos, novamente se destacando.

Outra cadenciada e soturna, “Not the Same”, conta com um ótimo e emotivo solo de guitarra. A estrela em “The Edge” é a vocalista Claudia, que faz as vozes principais de maneira elegante, com um timbre que remete a uma mistura de Nell Sigland (The Crest,  Theatre of Tragedy) e Cristina Scabbia (Lacuna Coil). Um dos highlights do trabalho, sem dúvidas. A super acessível, com cara de single, “Flying Over You” é outro excelente momento, onde eu aposto um real que há uma outra voz além da de Fabio Lione, porém não creditada – especificamente a que canta “Brand new hope” durante o refrão, na primeira metade da canção. Se for o próprio italiano, é surpreendente. As melodias vocais aqui são muito agradáveis.

Como um amálgama de todos os elementos ouvidos até então, a quase gótica “Lord Without Soul” mantém a qualidade abrindo caminho para a saideira, que leva o mesmo nome do disco: “Renaissance”. O épico com mais de nove minutos não exagera em pomposidade ou partes desnecessárias. O som é cativante, e pode ser ouvido várias vezes no repeat sem problema algum.

O trabalho do Eternal Idol em Renaissance é muito bom, agradável e focado em boas melodias. A música de Nick Savio (que também produziu o CD) é complementada pelas letras de Fabio Lione, que também criou as linhas vocais com Claudia. Um metal sinfônico acessível e com bom gosto é a praia do grupo italiano, focado nos climas e com andamento moderado. É na mesma pegada do disco de estreia, The Unrevealed Secret (2016), mas é melhor.

Detalhe irrelevante: Nos agradecimentos, Lione nomeia Paulo Baron e Toplink, portanto, me sinto citado por tabela, pois trabalhamos juntos por dois anos na referida empresa. Não precisava, Lione. ❤

Compre: https://www.lojashinigamirecords.com.br/p-9478943-Eternal-Idol—Renaissance

Músicas:

  1. Into The Darkness
  2. Black Star
  3. Dark Eclipse
  4. Without Fear
  5. Away from Heaven
  6. Not The Same
  7. The Edge
  8. Flying Over You
  9. Lord Without Soul
  10. Renaissance

Mais informações: www.facebook.com/eternalidolband

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s