Vital Remains: Coletânea “Horrors of Hell” disponível em versão remasterizada

Nenhum comentário

[Press-release]

Conforme a técnica do Death Metal vai amadurecendo e evoluindo, gravações como as que se encontram em “Horrors of Hell” são extremamente necessárias para entender o conceito fundamental por trás de um dos filhos bastardos do Metal. Reconhecida como uma das primeiras bandas americanas de metal extremo, o VITAL REMAINS explorou um som decididamente malévolo desde o início de sua carreira. Embora muito primitivas em termos de engenharia, as duas primeiras faixas do álbum – “Of Pure Unholyness” e “Frozen Terror” que fazem parte originalmente do EP “The Black Mass” – são exemplos claros do Death Metal americano raiz e do som inicial da banda quando o vocalista original Jeff Gruslin berrava palavras profanas com um peso infernal. E esses grunhidos de Gruslin se fundiram perfeitamente com o ataque caótico dos instrumentos resultando em uma mistura do Celtic Frost clássico com a vibe do início do Obituary.

As próximas músicas fizeram parte da demo “Excruciating Pain”, com a qual o grupo ganhou logo de cara um número considerável de seguidores no underground por sua postura anticristã extrema e graças à saudosa troca de fitas. Embora esta demo tenha sido muito menos crua do que sua antecessora, “Reduced To Ashes”, a banda estava em seus estágios iniciais. Os vocais de Gruslin durante a faixa “Resurrected” complementam perfeitamente o frenético trabalho dos guitarristas Paul Flynn e Tony Lazaro e é aí que você poderá encontrar as influências embrionárias do Death Metal oriundo da Flórida. O Slayer também foi uma grande influência no som inicial do VITAL REMAINS, como evidenciado na faixa “Fallen Angels”, que possui uma notável semelhança com o Slayer do início de carreira.

E chegamos agora à estreia da banda “Reduced To Ashes” de 1989. Embora a qualidade do som seja bem áspero, cru – mesmo após passar pelo processo de remasterização -, é a personalidade puramente perversa da banda a que se impõe por cima do som, resultando em um ataque extremamente profano, violento, venenoso e certamente tão maligno quanto qualquer lançamento de alguma banda precursora. E além disso, temos um giro inesperado com a faixa “More Brains” que mostra um primitivo Metalgore.

Resumindo: “Horrors of Hell” é um excelente insight sobre a história de uma das bandas mais influentes e, agora, mais populares do Death Metal.

Compre aqui: https://bit.ly/3zurrab

Um lançamento da parceria Shinigami Records/Century Media Records.

Foto: Divulgação

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s