Omago: CD do primeiro álbum “Decrepitus” disponível pela Voice Music

Nenhum comentário

[press-release]

A banda chileno-paraibana Omago, apresenta seu segundo trabalho e primeiro ‘full-lenght’, “Decrepitus”, via Voice Music e Best Foe Records. Depois de ter sido lançado no Bandcamp e nas principais plataformas digitais, ele agora também está disponível em CD.

Lançado pelos selos Voice Music e Best Foe, “Decrepitus” saiu em formato Slipcase (material envernizado, de primeira) e vem com pôster. O CD já está disponível em diversas lojas, como por exemplo, na Die Hard Records da Galeria do Rock ou na internet.

O Omago foi formado em março de 2020 pelo vocalista Eduardo Jarry (Forahneo, Behaviour, Carcinoma, Stomachal Corrosion). O estilo naturalmente escolhido foi o Death Metal, em toda sua amplitude, desde OSDM até a face mais extremo do gênero; influenciado por bandas icônicas como: Napalm Death, Massacre, Carcass, Benediction, Terrorizer, Gorefest, Death, Repulsion, Pestilence, Master, entre outras.

Acompanham o vocalista, como convidados, muito especiais, o guitarrista virtuoso Victor Hugo Targino, também um dos produtores brasileiros mais requisitados no momento, tendo trabalhado com as bandas, Thyresis, Diabolvs, Necrohunter, Soturnus, mencionando algumas de uma extensa lista. Além, do excepcional baterista Demetrius Pedrosa, um dos mais completos do Nordeste, que já demonstrou sua habilidade em bandas como, Metacrose, Thyresis, Dissidium, entre várias outras.

Segundo Eduardo, “Victor Hugo é um produtor no sentido amplo da palavra, suas observações são sempre extremamente coerentes, trabalhar com ele significa evoluir como músico e compositor. Já Demetrius, é um baterista fora de série. Nesses 30 anos tocando, tive a sorte de compartilhar projetos com pessoas extremamente talentosas, mas, ele consegue mesclar a técnica e a agressividade que o estilo requer com absoluta naturalidade”.

“Decrepitus” foi gravado em João Pessoa/PB e Santiago/Chile. Produzido, mais uma vez, por Victor Hugo Targino. Mixado e Masterizado pelo lendário produtor sueco Dan Swanö, aclamado pelo trabalho com artistas consagrados, Asphyx, Incantation, Terrorizer, Skeletal Remains, mencionando alguns. A arte insana da capa de “Decrepitus” foi criada por Marcelo Vasco, reconhecido mundialmente pelas suas capas incríveis para lendas da cena, como Slayer, Kreator, Dark Funeral, Testament, The Troops of Doom, entre várias outras.

Nas palavras de Jarry, “Em geral é difícil descrever material próprio; mas, esse é rápido, pesado e técnico; são dez faixas com personalidade, diversas camadas e cheias de ódio”. As letras têm a marca registrada do vocalista. Abordam o lado mais doentio do comportamento humano, no contexto da política, religião, corrupção, violência, ganância, idolatria, manipulação, egoísmo… Ainda segundo Eduardo, “Os tempos de pandemia somente serviram para acentuar o lado mais decadente das pessoas”.

“Decrepitus” é uma obra musical repleta de inconformismo, criada para ficar gravada no seu cérebro. O lyric vídeo da faixa-título criado pelo lendário Wanderley Perna (baixista do Genocídio que já fez vídeos para bandas como Rebaelliun, NervoChaos, MX, Genocídio, entre outros), pode ser visto aqui:

O Omago é: Eduardo Jarry (vocais), Victor Hugo Targino (guitarra e baixo) e Demetrius Pedrosa (bateria).

Informções: www.instagram.com/omago.ed

Foto: Assessoria/Divulgação

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s