[Resenha] Agamenon Project + 13THEFUCKINGCOPS12

Nenhum comentário

Agamenon Project + 13THEFUCKINGCOPS12
(Terceiro Mundos Chaos Discos – nacional)

por Clovis Roman

Sempre gostei do nome Agamenon Project, mas nunca havia parado para ouvir o som, até que chegou em minhas mãos este split deles com o 13THEFUCKINGCOPS12. O lado A pertence aos brasileiros. A banda é praticamente o Agathocles brasileiro, no que tange a quantidade absurda de lançamentos: São dois álbuns completos, Dead Capital (2011) e Waiting the Bombs Fall (2014), e nada menos que 65 splits em um período de 14 anos, o que dá uma média de quase 5 registros por ano.

As faixas do Agamenon Project, uma one-man-band liderada por aquele que atende pela alcunha de Arthu, foram registradas em 2020, com exceção da faixa nº 8, gravada em 2013. “Fakeology” abre veloz, com uma pegada mais hardcore, enquanto “A Bunch of Deceived” parece ter vindo dos arquivos do Carcass fase pré-Heartwork. Todas as sete faixas autorais ficam na média de um minuto e meio de duração, focando nas partes realmente importantes e deixando qualquer ‘linguiceira’ (o equivalente em português para o termo ‘filler’) de fora. A única faixa extensa tem 3’19’’, e é uma cover de “Tools of the Trade”, do Carcass.

Mais death metal, “Fuck the Religious Hypocrites” traz outro olhar ao som extremo do grupo, que segue a cartilha de Napalm e afins com “Impaling The Commandant” e “Stupidity”, e insere sonoridades mais caóticas e elementos de death metal em “I’m Watching Your Failure”, a mais inteligível de todas aqui. Indo no caminho inverso, a paulada “Evil Preacher” é a última das autorais, com 44 segundos de pesadelo sonoro, acalmado apenas em um breve break no meio. Encerra a parte brasileira do CD a supracitada cover do Carcass, que honra a original.

Lado B

A segunda parte, intitulada It’s a Bummer Being Alive, é dos americanos 13THEFUCKINGCOPS12, que faz um som tão estranho quanto seu nome. A banda de Boston apresenta o que eles mesmos denominam de Putrid Knuckle Dragging Hardcore, o que quer que isto queira dizer. O som é um hardcore/crust/grind simples, repleto daqueles tupá-tupá propícios para os ‘balé gore’ mundo afora. As letras parecem ser sobre nojeiras e anti polícia, mas é claro que os urros e grunhidos aqui são todos indecifráveis. Exceto, quiçá, o one two three four no começo da horrenda “Bootlicker Genocide”, um título que, inclusive, tem tudo a ver com a realidade brasileira da atualidade. A canção (!?) em si é excelente, uma barulheira só.

A gravação no geral é inferior ao lado BR, mas dá para curtir numa boa, mesmo em momentos mais caóticos como “Mamas Don’t Let Your Babies Grow Up to Be Cops”. O bacana é que no meio das partes grind há alguns momentos mais densos, com riffs lentos e as vezes algumas falas. Com um ar mais bem humorado, “Happy Little Mincer” tem um sampler de uma música horrível chamada “Light Lounge”, e tem na verdade, apenas 15 segundos de duração, ainda mais barulhentos que outrora. Outra que fica na casa dos segundos é “Filled With Dirt and Already Rotting”, com alguns vocais mais esganiçados juntos ao guturais.

Curtíssimas também são “No Vomit Just Blood”, uma belezinha nojenta e ruidosa. “Blues Lives Splatter” vai na mesma pegada, novamente com vocais mais cômicos junto aos urros de urso. Mas dá para dançar. A saideira é “Forced Castration Of Transphobe Shitheels”, com dois minutos de algo que parece ter sido registrado com um gravador k7 portátil. Tem coisa mais sublime? Ah! A tal “Light Lounge” volta a aparecer, como o ‘outro’.

Este split monstruosamente regurgitante foi lançado pela Terceiro Mundo Chaos Discos, em formato envelope com encarte, com tiragem limitadíssima!

Compre o split: http://www.tmcdiscos.com.br/p-6487694-%28TMCD126%29-AGAMENON-PROJECT-_-13THEFUCKINGCOPS12—SPLIT-CD

Informações:
https://agamenonproject.wordpress.com/other-projects
http://putridknuckledragginghardcore.bandcamp.com

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s