[Resenha] Dinnamarque – One Spirit of a Thousand Faces

Nenhum comentário

Dinnamarque – One Spirit of a Thousand Faces
Material gentilmente enviado por Island Press

por Clovis Roman

O quarteto Dinnamarque, de Belo Horizonte, foi idealizado há 18 anos, porém apenas em 2020 – depois de um hiato, troca de formação e um EP – chegou ao seu álbum de estreia, intitulado One Spirit of a Thousand Faces. E a demora valeu a pena, pois o artefato do grupo é convincente e impressionante, além de manter um nível elevado no decorrer de suas 11 músicas e cerca de 50 minutos de duração. A formação atual conta com Riccardo Linassi (bateria), Ronan Oliveira e Leo Lanny (guitarra e vocal) e Rafael Dinnamarque (vocal e baixo).

“Fight”, apesar do título forte, é um Heavy com ares sinfônicos em sua intro, que na verdade até chegam a enganar o ouvinte. Mas com o desenrolar da composição, ela vai se mostrando um tanto mais direta, com destaque para a sóbria interpretação vocal de Rafael. “Path of Warriors” é outra com ótimos arranjos vocais e incursões inteligentes do teclado, além de se utilizar um pouco mais do peso. Com pinta de single, “The Death Dresses White” abre acessível, com um teclado simpático, e quando o vocal entra, o instrumental dá aquela segurada, fazendo uma base. A expectativa de um refrão fácil é atendida, apesar de ter muitas palavras.

.

Outra mais acessível, “Revelations” mantém a qualidade com os mesmos elementos, assim como a mais pesada e climática “Evil Celebrities”, que conta com excelente trabalho dos teclados. As letras tratam de temas diversas, indo de seriados (“Path of Warriors” é sobre Xena, A Princesa Guerreira), fatos históricos (letra de Linassi, “The Death Dresses White” é sobre a enfermeira Jane Toppan, que matou 31 pessoas incapacitadas, e não teve uma condenação por ter sido considerada louca) e até mesmo letras de cunho mais pessoal.

Uma que trata de temas históricos é “Battlefields”, cuja melodia inicial remete ao tema de imediato: ela fala da batalha de Little Big Horn (1876), nos Estados Unidos, entre os nativos americanos e o exército do general Custer, algo na linha “Run to the Hills”. Em tempo: os imbecis (que costumavam matar crianças e mulheres quando esses estavam sem a proteção de seus guerreiros/líderes) foram massacrados pelos nativos – Custer também foi para a vala. O solo de guitarra próximo ao final da canção também traz melodias que remetem ao conteúdo lírico; excelente contextualização pela música.
A balada “Reason”, que fala basicamente de amor, pedia um vocal um pouco mais contundente em algumas partes, para dar aquele ar mais apoteótico de grandes temas românticos.

Algumas das canções aqui presentes são antigas: “Fight”, “Battlefield”, “Changes” e “One Spirit of Thousand Faces” estavam no EP fight, de 2007, portanto, tem no mínimo 13 anos. As demais, deduzo, mais recentes, se mesclam bem a elas, dando uma unidade bacana ao disco. A maioria absoluta das músicas fica na marca de quatro minutos e meio, mostrando a inteligência dos mineiros ao não exagerarem com faixas grandes demais em seu álbum de estreia (sim, apesar da banda ter quase 20 anos, este é seu debut). Todas as faixas chegam ao seu destino final, que é cativar o ouvinte, nenhuma se perde no meio do caminho com firulas desnecessárias, algo tão comum nos conjuntos que apostam no Melódico e no Power Metal (aqui não tem bumbo duplo moendo toda hora, solos de guitarra supersônicos ou gritos histéricos extremamente agudos, por exemplo). Agora que o Dinnamarque começou sua carreira discográfica, que o sucessor de One Spirit of a Thousand Faces chegue às nossas mãos o quanto antes.

Abaixo, você confere um mini-documentário, uma série com diversos episódios, onde os quatro músicos falam sobre sua história, canções e tudo o mais:

Músicas
1. Fight
2. Path Of Warrior
3. The Death Dresses White
4. Revelations
5. Evil Celebrities
6. Krusty Eyes
7. Battlefields
8. Reason
9. Changes
10. Clash Of Mind
11. One Spirit Of A Thousand Faces

Informações
Bandcamp: dinnamarque.bandcamp.com
Spotify: open.spotify.com/artist/5FIt75EhwGFCmuGykyKwnz
Facebook: www.facebook.com/dinnamarqueofficial
Youtube: www.youtube.com/dinnamarqueofficial

Imagens: Reprodução

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s